No ar
Programação
Governo Federal anuncia investimentos de R$ 180 milhões para a cultura e o turismo em Sergipe
Polícia

Governo Federal anuncia investimentos de R$ 180 milhões para a cultura e o turismo em Sergipe

Governo Federal anuncia investimentos de R$ 180 milhões para a cultura e o turismo em Sergipe

Novos investimentos foram anunciados para Sergipe pelo Governo Federal, nesta terça-feira, 12, em Brasília. A notícia fez parte do anúncio de financiamento dos bancos públicos para investimentos nos estados, feito pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em cerimônia realizada no Palácio do Planalto, e que contou com a participação do governador de Sergipe, Fábio Mitidieri.

Desta vez, o estado receberá R$ 180 milhões, por meio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para investimentos na cadeia produtiva cultural e turística sergipana.

O aporte será destinado ao Programa Integrado de Desenvolvimento Cultural e Turístico de Sergipe, o Viva Sergipe. Ao todo, a ação contempla 15 projetos estratégicos desenvolvidos pela atual gestão estadual, localizados em oito territórios sergipanos, a exemplo de reforma e construção de museus, memoriais e estruturação de Casas do Artesão. Os projetos já foram apresentados e aprovados pelo BNDES.

Além de Sergipe, outros estados brasileiros também foram beneficiados, como  São Paulo, Pará, Mato Grosso do Sul, Ceará, Santa Catarina, Espírito Santo, Maranhão, totalizando R$ 18,2 bilhões.

A Caixa Econômica Federal (CEF) e o Banco do Brasil (BB) também aprovaram operações de crédito para o estado de Pernambuco, totalizando R$ 2,3 bilhões. Já o Banco do Brasil aprovou as operações no Distrito Federal e em Pernambuco, no total de R$ 700 milhões.

Para o governador Fábio Mitidieri, esta é mais uma importante iniciativa que favorecerá o desenvolvimento de Sergipe e permitirá que o estado desfrute de um novo tempo nos setores da cultura e turismo. Ele também destacou a importância da contínua parceria entre o Governo Federal e o Governo do Estado.

“Quero agradecer ao presidente Lula, que tem um carinho muito especial por Sergipe, e tem nos ajudado em nossa gestão. Ao firmar esse empréstimo de R$180 milhões com o BNDES para o programa Viva Sergipe, damos mais um passo em direção ao fortalecimento da cultura e do turismo em nosso estado. São 15 projetos que iremos realizar, entre eles reforma da biblioteca, construção de museus, como Museu do Cangaço, Museu do Náufrago, Museu do Forró, Museu do Vaqueiro. Também vamos reformar centros culturais importantes e, com isso, dar uma cara nova à nossa cultura e turismo”, apontou.

Em seu discurso, o presidente Lula frisou a importância da união e do trabalho conjunto entre o Governo Federal e os estados brasileiros para a construção de um país mais desenvolvido e próspero. “Os bancos públicos existem para fazer aquilo que a iniciativa privada não quer fazer. Por isso, a orientação é que prefeito e governador que tiverem as contas em dia tenham o direito de ir ao banco, pedir financiamento e o banco financiar. Eu não quero saber de qual partido ele é, eles são o povo, representam nosso povo, e é por todos que vamos trabalhar. Juntos, vamos criar condições para esse país crescer”, declarou.

O presidente do BNDES, Aloizio Mercadante, pontuou que já foram aprovados, só neste ano, R$ 22 bilhões para os estados, segundo ele, um saldo extraordinário. “Em Sergipe, R$ 180 milhões serão investidos na cadeia produtiva da cultura e economia criativa, que é outra área importante. Nós também financiamos concessões e parcerias públicas privadas no ano passado. Este ano, já financiamos R$ 10 bilhões, um crescimento de 850% em relação ao ano passado. Dessa forma, estamos ajudando o Brasil a retomar o crescimento”, indicou.

Já o ministro da Casa Civil, Rui Costa, reforçou que para unir o país, é preciso respeitar o pacto federativo. “Aqui, têm prefeitos e governadores de todos os partidos, que apoiaram e que não apoiaram o presidente Lula, e todos estão tendo, de forma republicana, acesso aos recursos de bancos públicos”, considerou.

Presenças

Além do governador Fábio Mitidieri, o dispositivo foi composto pelo presidente Lula; governador do Pará, Helder Barbalho; de São Paulo, Tarcisio de Freitas; de Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel, da vice-governadora do Ceará, Jade Romero; dos presidentes do BNDES, Aloizio Mercadante, do Banco do Brasil, Tarciana Medeiros, e da Caixa Econômica, Carlos Vieira; além do vice-presidente Geraldo Alckmin e do ministro da Casa Civil, Rui Costa.

Viva Sergipe

O Viva.SE nasce alicerçado ao grande potencial de desenvolvimento que a cadeia produtiva da cultura pode gerar, inclusive por meio de projetos e ações de fortalecimento da economia criativa do artesanato local. O projeto pretende criar uma rede integrada de equipamentos culturais, com a construção de novos centros culturais temáticos contemporâneos, além de considerar a restauração e atualização de museus históricos seculares.

Estes são os 15 projetos que compõem o Viva Sergipe: reforma, manutenção e atualização dos museus históricos de São Cristóvão e Laranjeiras; Vila Serigy; Memorial dos Náufragos de Sergipe – MENSE; Pinacoteca de Sergipe; Memorial do Cangaço; Museu do Forró; Museu do Vaqueiro; Reforma Biblioteca Epiphânio Dória; Caminho do Crepúsculo de Santa Dulce dos Pobres; Centro de Memória Digital de Boquim; Veredas do Sertão; Mirante de Santo Antônio; Estruturação da rede de Casas do Artesão Sergipano; VerDe Tototó; Memorial de Japaratuba Arthur Bispo do Rosário.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Agência ASN
Foto: Júlio Dutra